Enquanto o Paulistano tenta aumentar sua sequência de vitórias na competição, o São José quer continuar a sequência sem derrota contra o Paulistano. Em posições distintas na tabela, nesta quarta-feira, às 20h, acontecerá mais um clássico entre o clube paulista e o time do Vale Paraíba pela 26ª rodada do NBB, na última partida pela rodada de classifcação da atual temporada dentro do Ginásio Antônio Prado Júnior.

Continue reading


Com 50 minutos de um jogo brigado do início ao fim, o Ginásio Henrique Villaboim foi palco de uma batalha épica entre Pinheiros e Macaé, na noite desta terça-feira. Em confronto decidido somente na segunda prorrogação, o clube pinheirense contou com boa atuação de Bennett, Holloway e Renan no fim, abriu vantagem nos últimos minutos e venceu o aguerrido time macaense, por suados 92 a 87.

Com duas jogadas decisivas no final do último quarto regular da partida, um em que fez uma bola de 3 pontos e outro que acertou um tiro de 2, o jovem ala/armador Humberto foi quem permitiu que o Pinheiros jogasse dois períodos a mais e ainda saísse com a vitória. Com 17 tentos no total, o garoto anotou seu recorde de pontos em um só jogo na história no NBB. Cliente da All Sports Agency, o pivô Rafael Mineiro marcou seis pontos e pegou três rebotes.

Decisivo nos momentos finais, o ala/armador norte-americano Desmond Holloway deixou a quadra com um duplo-duplo pra lá de expressivo: 27 pontos e 14 rebotes, seu recorde pessoal no fundamento desde que chegou ao NBB. De quebra, o jogador ainda deu três assistências, roubou duas bolas e somou 27 de eficiência. Pelo lado do Macaé, os destaques ficaram por conta de André Góes, Eddy e Márcio, com respectivos 21, 19 e 18 pontos.

Com esta vitória o Pinheiros chegou a 11 em 23 jogos jogados e permanece na oitava posição (47,8% de aproveitamento). Já o Macaé sofreu sua 17ª derrota em 22 jogos e está na última colocação do maior campeonato de basquete do país, com 22,7% de aproveitamento.

Mathias quebra recordes, e Franca bate São José

A noite foi de Thiago Mathias. Com diversas quebra de recordes pessoas e da temporada, o pivô do Franca deitou e rolou nas tábuas do Ginásio Lineu de Moura e liderou o triunfo da equipe da Capital do Basquete sobre o dono da casa São José, na noite desta terça-feira, pelo placar de 82 a 70.

Com 20 pontos em 22 tentados (90,9% de aproveitamento) e mais 17 rebotes, Mathias totalizou expressivos 37 de eficiência e igualou o recorde do fundamento da atual temporada, que também pertence a Ricardo Fischer, do Bauru, Larry Taylor, do Mogi das Cruzes, e Guilherme Giovannoni, do Brasília. De quebra, os 17 rebotes também representaram o recorde do quesito desta edição, que antes era de Teichmann, do Rio Claro, com 16.

Os 20 pontos também representaram sua maior marca de tentos na atual temporada do NBB, que antes era de 19 pontos contra o Macaé. Já a marca de 17 sobras foi responsável por quebrar seu recorde pessoal na história do NBB, que antes era de 15 sobras, curiosamente registrado nesta temporada do nacional, diante do Minas. Os 37 de eficiência também foram um recorde pessoal do atleta no NBB.

Com o resultado, o time do técnico Lula Ferreira chegou ao seu 11º triunfo em 22 partidas e voltou aos 50% de aproveitamento, campanha esta que os deixaram firmes na sétima colocação. Já os joseenses, que sofreram sua quarta derrota seguida, sendo a terceira em casa, seguem na 11ª posição, agora com desempenho de sete êxitos em 22 oportunidades (31,8% de aproveitamento).

Confira os jogos do NBB 2015/2016 nesta semana:

22/02 (segunda-feira)
Caxias 62 x 71 Basquete Cearense

23/02 (terça-feira)
Pinheiros 92 x 87 Macaé
20h – São José  70 x 82 Franca


A história do confronto desta quarta-feira entre Caxias do Sul Basquete e Mogi das Cruzes, realizado no Ginásio Vasco da Gama, na serra gaúcha, teve capítulos distintos em seu enredo, mas no final, o desfecho foi favorável aos mogianos. Após um primeiro tempo de altos e baixos, o time do técnico Danilo Padovani foi superior no último quarto, bateu os caxienses, pelo placar de 89 a 81, e voltou a sonhar com o G-4 do NBB.

Depois de perder seu lugar entre os quatro primeiros colocados e ainda cair para a sexta posição, o Mogi chegou ao seu nono triunfo em 15 jogos (60% de aproveitamento) e se manteve na mesma colocação, só que agora mais próximo do quinto colocado Basquete Cearense, que tem campanha de dez êxitos em 16 oportunidades (62,5% de aproveitamento). Muito da vitória mogiana se deve ao ala/pivô Lucas Mariano. Vindo do banco, o camisa 28 chamou a responsabilidade no último quarto, acertou três bolas de 3 pontos em três tentativas (100% de aproveitamento), registrou 12 pontos só na parcial final. Apesar do revés, o duelo foi especial para o armador caxiense Gustavinho, cliente da All Sports Agency. Ídolo da torcida mogiana, o jogador, que defendeu o esquadrão do Alto Tietê nas últimas três temporadas, registrou 21 pontos e estabeleceu seu recorde pessoal no NBB, que antes era de 20 tentos nos playoffs da temporada 2013/2014 contra o Limeira. Além disso, Gustavinho ainda deu dez assistências, anotou seu primeiro duplo-duplo na temporada e totalizou expressivos 28 de eficiência.

Agora, após se recuperar da derrota para o Brasília, o Mogi seguirá sua jornada de partidas fora de casa e medirá forças com o Pinheiros, nesta sexta-feira, no Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, na capital paulista, às 19h30. No mesmo dia, às 20h05, o Caxias do Sul receberá o São José, no Ginásio Vasco da Gama, na serra gaúcha.

Franca vence duelo emocionante

Outro duelo com emoção realizado na noite desta quarta foi entre Franca e Minas. Jogando em casa, os paulistas venceram os mineiros, por 80 a 79, com lance livre decisivo de Nezinho convertido a dois segundos do final da partida. O grande destaque do triunfo do Franca foi Schneider, que converteu cinco bolas de 3 e anotou 16 tentos (cestinha do time). O ala ainda foi praticamente perfeito no quarto decisivo, em que atuou todos os 10 minutos e anotou sete de oito pontos tentados. Pelo lado mineiro, quem se sobressaiu foi o norte-americano Benzor Simmons, com 19 pontos, e o ala Pedro Macedo, com 16.

Com a vitória, o Franca ultrapassou os mineiros na tabela de classificação. São nove vitórias e oito derrotas para o time do interior paulista, enquanto o Minas tem uma campanha exatamente contrária – oito triunfos e nove resultados negativos.

Pinheiros passa por cima do São José

Em um cenário completamente oposto, com grande diferença no placar, o Pinheiros conseguiu impôr seu ritmo de jogo em casa e passou por cima do São José. A equipe se colocou a frente do marcador desde o começo e foi aumentando a sua vantagem quarto a quarto. No fim, vitória incontestável pelo placar de 104 a 65.

Todo o quinteto titular do Pinheiros merece destaque na vitória desta noite. Mineiro, cliente da All Sports Agency, teve grande noite. O pivô marcou 15 pontos e pegou dez rebotes, totalizando um duplo-duplo.

Duelo isolado nesta quinta-feira

Ambos carregando sequências negativas no NBB, Vitória e Paulistano estarão frente a frente nesta quinta-feira, no Ginásio de Cajazeiras, em Salvador (BA), às 21 horas (de Brasília), no único duelo desta noite. A partida é crucial para as respectivas objeções das equipes no campeonato. Um dos únicos clubes que ainda não ganhou em 2016, o Rubro-Negro precisa do triunfo para seguir na zona de classificação dos playoffs. No exato momento, o esquadrão baiano está no limite na zona, na 12ª colocação, com campanha de cinco êxitos em 16 partidas (31,3% de aproveitamento). Líder isolado durante as dez primeiras rodadas, o clube da capital paulista perdeu os últimos três jogos, para o Rio Claro, Brasília e Basquete Cearense, adversários diretos na briga pelo G4, e acabou caindo para a quarta colocação. Por isso, a ideia por lá é vencer para buscar o topo da tabela novamente.


O Basquete Cearense segue em grande fase no NBB. Depois de se firmar no quinto lugar, a equipe nordestina continua forte na luta para entrar no G4 e, na noite desta terça-feira, conquistou uma grande vitória. Atuando em casa, o time dirigido pelo técnico Alberto Bial venceu o Paulistano por de 72 a 69 e conquistou sua quinta vitória consecutiva na maior competição de basquete do país.

O grande nome da vitória nordestina foi o cliente da All Sports Agency Duda Machado. Com direito a cinco bolas de longa distância convertidas, o ala/armador foi o maior pontuador do jogo, com 24 pontos, e ainda foi o responsável pelo arremesso que recolocou o Basquete Cearense em vantagem nos instantes finais da partida.

Este foi o décimo triunfo do Basquete Cearense em 16 partidas disputadas na competição e rende um aproveitamento de 62,5%.Na próxima rodada, a equipe recebe o Liga Sorocabana, no ginásio Paulo Sarasate, sábado, às 17h30. A partida é válida pela 19ª rodada e terá transmissão ao vivo pela RedeTV.

O outro jogo disputado na noite desta terça-feira foi entre Vitória-BA e Liga Sorocabana. A equipe paulista conseguiu uma importante e dramática vitória, com diferença mínima no placar, por 74 a 73. Brigando pela última vaga na zona de classificação aos playoffs da competição, o time de Sorocaba igualou o número de resultados positivos do Vitória (cinco). No entanto, os baianos seguem no 12º lugar, já que têm uma partida a menos.

Cestinha do campeonato, o ala/armador Neto marcou 19 pontos e comandou o triunfo sorocabano na capital baiana, ao lado do jovem ala Igor Avelino, autor de 16 pontos. Do lado dos anfitriões, os destaques ficaram por conta do trio de estrangeiros da All Sports Agency, formado por Calvo, Kojo e Jason Smith, que juntos marcaram 53 dos 73 pontos da equipe no jogo.

NBB terá sequência nesta quarta-feira com três partidas

Três jogos darão sequência ao NBB na noite desta quarta-feira. O Pinheiros, sétimo colocado, receberá o São José, 11º, às 19h30 e, também em São Paulo, a equipe de Franca encara o Minas, às 20h, em briga direta por posições na tabela de classificação. Até o momento, as duas equipes se encontram com a mesma campanha (oito vitórias e oito derrotas) e dividem a sétima posição, ao lado do Pinheiros. A partida que fecha o dia será no Sul do país, entre Caxias e Mogi das Cruzes, no Ginásio Vasco da Gama. Os donos da casa buscam subir na tabela, enquanto que os mogianos tentam retornar ao G4. O duelo está marcado para às 20h05.


Acabou o período de recesso e o NBB está de volta. Com seis partidas na noite desta sexta-feira e uma no sábado, a Novo Basquete Brasil inicia 2016 com reedições de finais de estaduais, clássicos e muitas outras emoções. E é claro que terão muitos clientes da All Sports Agency em ação.

O principal destaque  desta 15ª rodada são as reedições das finais do Campeonato Paulista, entre Mogi das Cruzes e São José, e do Campeonato Carioca, entre Flamengo e Macaé. A primeira partida, no Ginásio Professor Hugo Ramos, às 20h, terá um time da casa não só disposto a ir às forras diante dos joseenses pelo título estadual, mas também em busca da consolidação na briga pelo topo da tabela. O Mogi, de Tyrone Curnell, Gerson e companhia, tem 58,3% de aproveitamento e está na 4ª colocação. O São José, no entanto, está na 10ª colocação e quer vencer para encostar no pelotão da frente da competição. Já em solo carioca, o Flamengo do ala Marquinhos e do técnico José Neto joga em casa, também às 20h, e busca a vitória de olho na liderança, que pode acontecer em caso de tropeços de Paulistano e Bauru. Na parte de baixo da tabela, o Macaé do armador Pedrinho Rava precisa vencer para continuar sonhando com a possibilidade de disputar os playoffs.

Outro destaque da rodada será o clássico entre Franca e Bauru, famoso pela rivalidade. Os bauruenses encerraram 2015 na vice-liderança do NBB, com dez vitórias em 13 partidas (76,9% de aproveitamento). Já os francanos estão na sétima posição, com sete triunfos em 13 jogos (53,9% de aproveitamento). A partida acontece às 20h (de Brasília) no Ginásio Pedrocão. Os donos da casa contam com o bom retrospecto do ala Bruno Irigoyen para vencer em casa e o Bauru, por sua vez, confia no talento do inspirado armador Ricardo Fischer para seguir sonhando com a liderança.

O líder Paulistano, com 83,3% de aproveitamento, recebe o Liga Sorocabana no Ginásio Antonio Prado Júnior, às 19h30. O ala/pivô Luis Gruber vem sendo o principal destaque na campanha de dez vitórias em 12 jogos do time da casa. Pelo lado dos sorocabanos, que está na 14ª colocação com 25% de aproveitamento, a partida é encarada com grande importância pelo objetivo de tentar se distanciar das últimas colocações.

Confira todos os jogos da 15ª rodada:

– 08/01 (Sexta-feira)
19h30 – Pinheiros x Caxias do Sul Basquete
19h30 – Paulistano x Liga Sorocabana
20h – Flamengo x Macaé
20h – Mogi das Cruzes x São José
20h – Franca  x Bauru
21h – Vitória x Basquete Cearense

– 09/01 (Sábado)
17h30 – Brasília x Minas


O São José conseguiu o que ninguém havia feito ainda: derrotar o Paulistano, que tinha 100% de aproveitamento nos oito primeiros jogos do NBB. Jogando em casa, no Lineu de Moura, a equipe do interior paulista teve grande atuação e venceu por 83 a 77. Os representantes da All Sports Agency no elenco joseense foram importantes para o triunfo.

Após perder algumas partidas para resolver problemas nos Estados Unidos, o armador Jamaal Smith voltou bem, jogou por 23 minutos e marcou 13 pontos. O ala-armador Pedro Teruel, por sua vez, anotou 11 pontos e ainda contribuiu com duas assistências. A atuação de Matheus Dalla foi, talvez, a mais importante para o time. No terceiro quarto, o Paulistano chegou a estar vencendo por 46 a 40, mas os joseenses reagiram e, com 11 pontos em 11 tentados, o ala virou o marcador e levou a equipe a chegar com vantagem de seis pontos no último período.

Nos minutos finais da partida, quando a vitória do São José parecia encaminhada, o Paulistano mostrou porque ainda não havia perdido neste NBB. A equipe reagiu e conseguiu deixar o placar empatado em 70 a 70. Logo em seguida, a equipe da casa conseguiu fazer cinco pontos em dois ataques e foi administrando a vantagem até o fim.

Esta foi a quarta vitória do São José em nove jogos nesta temporada, que dá 44,4% de aproveitamento. Quem agradeceu bastante a vitória joseense foi o Bauru, que assumiu com nove vitórias em dez jogos (90% de aproveitamento) e que assumiu a liderança da competição. Com a primeira derrota em nove jogos, o aproveitamento do Paulistano caiu para 88,8%.

Nesta quinta-feira, às 20h, o São José recebe o Liga Sorocabana, às 20h. O Paulistano, por sua vez, volta a jogar em casa, no Antonio Prado Junior, e recebe o Mogi das Cruzes, às 19h.


Uma noite inesquecível. Assim pode ser definida esta quinta-feira para o Caxias do Sul. Fundado em 2006, o clube estreia no NBB nesta temporada 2015-2016. Na quarta rodada, jogando no Lineu de Moura, casa do adversário, a equipe derrotou o São José, atual campeão paulista, por 76 a 71 e conquistou a primeira vitória em sua história no maior campeonato de basquete do país.

Cliente da All Sports Agency, o armador Gustavinho foi peça chave para a vitória do Caxias. Além de comandar o ataque gaúcho e liderar a partida em número de assistências, com oito, o jogador ainda fez um ótimo trabalho defensivo sobre o norte-americano Jamaal, do São José. Outro cliente da All Sports, o ala/pivô Diego também teve boa participação, com dez pontos marcados e quatro rebotes apanhados.

Bastante equilibrado, o jogo foi emocionante. A equipe caxiense impôs um ritmo forte, e fez um primeiro quarto muito equilibrado com os donos da casa, vencendo por 17 a 15. O Caxias continuou efetivo nos ataques, sem descuidar do trabalho defensivo, mas os donos da casa terminaram o segundo período na frente, com 29 a 28 no placar.

A intensidade da partida não diminuiu no terceiro quarto. Nos minutos finais a equipe caxiense chegou a abrir cinco pontos de vantagem e conseguiu vencer por 50 a 47. No último período, a emoção aumentou ainda mais. Com pontos disputados de maneira muito equilibrada até o final, a partida terminou em 66 a 66. Na prorrogação, o Caxias do Sul Basquete mostrou mais controle emocional e venceu o campeão paulista por 76 a 71.

O Caxias voltará à quadra na próxima sexta-feira, dia 20, quando irá até o interior paulista para encarar o Bauru. Já o São José segue jogando em casa e enfrentará o Rio Claro, na próxima terça-feira, às 20h.